9.3.12

Dias iguais



"...dias iguais
azuis, vermelhos, frios
dias sem paz, de espera...

.
Mais uma sexta que se vai de uma semana exaustiva e eu me encontro aqui, deitada, pensativa e sozinha - fatidicamente o dia que eu mais amo, a noite que eu mais espero alguma coisa, mais nada acontece, tudo continua da mesma forma tudo como dantes no quartel de abrantes e pode se passar anos e eu nunca vou me acostumar com ela a vilã da história e minha fiel escudeira o.O a solidão. Já não reclamo mais como antes e nem em todas as sextas eu me torturo com isso, mas é que tem dias que a minima coisa que você quer é receber um telefonema, um carinho, um convite, uma coisa a dois pra se sentir melhor, pra sentir as coisas tomarem forma, pra tudo fazer sentido sabe? (sonho com isso há taAnto tempo!)...mas de repente você se vê no meio da multidão só - sozinha, sem nada daquilo que minimamente você deseja e ai olha pra trás e percebe a quanto tempo espera por uma mudança, sonha com elas e elas simplesmente não acontecem! 
E nem adianta me dizer que "tudo tem sua hora", porque sinceramente?
Eu to cansada das minhas sextas serem todas iguais!



...dias iguais
são como um rio correndo pra trás
não desagua em nenhum lugar."




2 comentários:

Páginas Da Minha Vida disse...

Sei exatamente o que é se sentir assim :/

bjs

Jack disse...

Oi Tay nossa complicado mas espero que isso passe espero, ate mais.